segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

O Estatuto do aluno

Lembro-me, quando andava na escola, que faltar era coisa impensável.
Ai da minha mãe que eu fizesse gazeta de livre e espontânea vontade. Ai dela, e ai de mim! Nesse tempo havia aquela coisa chamada "respeito" e responsabilidade (bom, não falo dos tempos da Faculdade, esses foram feitos para outras coisas). Falo dos tempos de escola que esta notícia refere. Esses tempos são idos. Agora parece que, se o aluno falta e é penalizado por isso - pelo professor e mais a fundo, pela escola e pelo novo estatuto - quem "leva" dos pais é o Professor. Modernices!

1 comentário: